Os Abençoados

segunda-feira, 18 de fevereiro de 2013

Mateus 24:32-51

Mateus 24.32-51

32 Aprendei, pois, a parábola da figueira: quando já os seus ramos se renovam e as folhas brotam, sabeis que está próximo o verão.
33 Assim também vós: quando virdes todas estas coisas, sabei que está próximo, às portas.
34 Em verdade vos digo que não passará esta geração sem que tudo isto aconteça.
35 Passará o céu e a terra, porém as minhas palavras não passarão.
36 Mas a respeito daquele dia e hora ninguém sabe, nem os anjos dos céus, nem o Filho, senão o Pai.
37 Pois assim como foi nos dias de Noé, também será a vinda do Filho do Homem.
38 Porquanto, assim como nos dias anteriores ao dilúvio comiam e bebiam, casavam e davam-se em casamento, até ao dia em que Noé entrou na arca,
39 e não o perceberam, senão quando veio o dilúvio e os levou a todos, assim será também a vinda do Filho do Homem.
40 Então, dois estarão no campo, um será tomado, e deixado o outro;
41 duas estarão trabalhando num moinho, uma será tomada, e deixada a outra.
42 Portanto, vigiai, porque não sabeis em que dia vem o vosso Senhor.
43 Mas considerai isto: se o pai de família soubesse a que hora viria o ladrão, vigiaria e não deixaria que fosse arrombada a sua casa.
44 Por isso, ficai também vós apercebidos; porque, à hora em que não cuidais, o Filho do Homem virá.
45 Quem é, pois, o servo fiel e prudente, a quem o senhor confiou os seus conservos para dar-lhes o sustento a seu tempo?
46 Bem-aventurado aquele servo a quem seu senhor, quando vier, achar fazendo assim.
47 Em verdade vos digo que lhe confiará todos os seus bens.
48 Mas, se aquele servo, sendo mau, disser consigo mesmo: Meu senhor demora-se,
49 e passar a espancar os seus companheiros e a comer e beber com ébrios,
50 virá o senhor daquele servo em dia em que não o espera e em hora que não sabe
51 e castigá-lo -á, lançando-lhe a sorte com os hipócritas; ali haverá choro e ranger de dentes.

Facebook - Curta nossa Página…


O Senhor interrompe Sua exposição profética para exortar os Seus à vigilância e ao serviço (v. 32-44). O juízo cairá repentinamente sobre o mundo. Atingirá os incrédulos e zombadores. Alcançará igualmente os indiferentes, os indecisos e os filhos de crentes que não aceitaram a Jesus como seu Salvador pessoal. Será este último o seu caso? "Por isso estai vós apercebidos também", diz o Senhor (v. 44 - E.R.C.). E para estar preparado, devemos acolher o Senhor Jesus como Salvador pessoal. No versículo 45 é atribuído aos que nEle creram um maravilhoso serviço: o de distribuir no seu arredor o alimento, que é a Palavra (Atos 20:28; 1 Timóteo 1:12). Pois há dois requisitos: a fidelidade, para conhecer esta Palavra e não se apartar dela; e a sabedoria, para aplicá-la de acordo com as necessidades e circunstâncias. Porém, na grande cristandade também se encontram os servos maus. Eles têm exercido um duro domínio sobre as almas dos demais; têm-se embriagado com os prazeres do mundo (1 Tessalonicenses 5:7). Por quê? É que, bem no íntimo de seu coração, eles não crêem na volta do Mestre. O servo de Cristo só pode ser fiel e sábio se guardar um precioso segredo: esperar a cada dia pelo Senhor. Conforme exprime o Salmo 130: "A minha alma anseia pelo Senhor, mais do que os guardas pelo romper da manhã".

Todo dia com Jesus

 
Afiliados Cursos 24 Horas - Ganhe Dinheiro com seu Site
Ganhe Dinheiro com seu Site no Sistema de Afiliados - Cursos 24 Horas


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Participe e ganhe!

Nos Acompanhe!

Facebook - Curta nossa Página…

Tecnogospel

Missões e Evangelismo

Vivos! O site da fé Cristã!

Publicidade

Divulgador

Publicidade